Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Edições 2013 > IS nº 01 > PROMOÇÃO DA SAÚDE
Início do conteúdo da página

PROMOÇÃO DA SAÚDE

Publicado: Terça, 12 de Maio de 2015, 14h28 | Acessos: 1559

EXERCÍCIO FÍSICO; PERFIL DE SAÚDE; PERFIL NUTRICIONAL

019
COSTA, Bruna Vieira de Lima et al. Academia da Cidade: um serviço de promoção da saúde na rede assistencial do Sistema Único de Saúde. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro,v. 18, n. 1, p. 95-102, jan. 2013. Disponível em Scielo

Analisar o perfil de saúde e nutricional dos usuários do Sistema Único de Saúde ingressantes em uma Academia da Cidade, de Belo Horizonte, Minas Gerais durante triênio. Estudo transversal com usuários > 20 anos. Coletaram-se dados sociodemográficos, de saúde, hábitos e consumo alimentar, e antropometria. Realizado testes Kolmogorov-Smirnov, ANOVA, Kruskal-Wallis, Qui-Quadrado e Exato de Fisher. Observou-se elevada prevalência de indivíduos hipertensos (41,6%), com excesso de peso (70,6%) e riscos metabólicos associados à obesidade (67,6%). Cerca de 40% dos ingressantes apresentavam de 1 a 3 doenças crônicas e mais de 65% utilizavam medicamentos diariamente. Houve inadequação no consumo diário de frutas e hortaliças (75,3%), gordura aparente da carne (72,4%) e bebidas açucaradas (54,2%). Apresentavam baixa escolaridade e renda, além de inadequações alimentares e elevadas prevalências de HAS, excesso de peso e riscos metabólicos o que sugere a busca, dos usuários, pelo serviço de promoção da saúde para o tratamento de doenças. O que ilustra a percepção curativista demonstrando ainda a escassez de iniciativas de cuidado à saúde na população. Denota-se a necessidade de se rever as ações nos diferentes níveis de atenção à saúde, visando promover maior integralidade do cuidado prestado.

Fim do conteúdo da página