Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Edições 2019 > IS nº 03 > ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA
Início do conteúdo da página

ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA

Publicado: Quinta, 11 de Julho de 2019, 16h20 | Acessos: 68

ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE; TRABALHO EM SAÚDE; PESSOAL DE SAÚDE

075
NASCIMENTO, Arthur Grangeiro do; CORDEIRO, Joselma Cavalcanti. Núcleo ampliado de saúde da família e atenção básica: análise do processo de trabalho. Trabalho, Educação e Saúde, Rio de Janeiro, v. 17, n. 2, e0019424, jan. 2019. Disponível em Scielo

O artigo tem o objetivo de analisar o processo de trabalho de uma equipe do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica localizado em um município de Pernambuco. Trata-se de um estudo de caso com enfoque qualitativo, de caráter analítico-descritivo. As técnicas empregadas para a coleta de dados foram os grupos focais e mapas analíticos; para organização e análise, adotou-se a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. A análise do processo de trabalho revelou concepções no discurso da equipe de um ‘dever ser’ pautado no que é preconizado pelo Ministério da Saúde. Entretanto, foram identificados os seguintes aspectos: há pouco êxito em executar o apoio matricial; não há sucesso na construção de pactuações sobre o processo de trabalho; o trabalho é fragmentado e com foco assistencialista; não há utilização de tecnologias de análise e intervenção familiar e populacional. Observou-se, também, escassa prática de planejamento das ações. Isso revela uma atuação distante do que se concebe como adequada pela própria equipe. Fatores problemáticos, internos e externos à equipe foram identificados. Indica-se partir de uma análise do processo de trabalho realizada pela própria equipe, contribuindo para o alcance de maior resolutividade.

Fim do conteúdo da página