Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Casa segura para o idoso

Publicado: Segunda, 01 de Abril de 2019, 10h36 | Acessos: 875

Com o processo de envelhecimento alguns detalhes podem fazer a diferença na vida das pessoas idosas e evitar acidentes domésticos.

Dados mostram que as quedas são responsáveis por 56,6% das mortes acidentais de pessoas acima de 75 anos, segundo levantamento do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde.

Os cuidados para uma casa segura para idosos incluem:

- utilizar pisos antiderrapantes, instalar barras de apoio dentro do boxe e próximo ao vaso sanitário;
- certificar-se de que a altura do vaso sanitário esteja entre 43 a 45 cm, facilitando o sentar e o levantar;
- se possível, utilizar um banco firme, feito de alvenaria ou fixado dentro do box, para que o idoso tome banho e se enxugue sentado;
- os degraus das escadas devem possuir fita antiderrapante, ser iluminados e bem sinalizados;
- deve-se ter corrimão dos dois lados, com início antes das escadas, para melhor apoio;
- os móveis devem estar firmes e bem fixos, caso o idoso necessite se apoiar neles;
- cadeiras e poltronas com braços oferecem maior apoio. Os assentos devem ter altura entre 45 a 50 cm, não devem ser muito baixos ou macios, para facilitar o sentar e levantar;
- evitar as maçanetas arredondadas; prefir as que tem forma de alavanca;
- as portas devem ter uma largura mínima de 80 cm, para a passagem de andadores e cadeiras de rodas;
- dispor de ambiente amplo, evitando o uso de tapetes ou demais obstáculos que possam causar quedas;
- caso o tapete seja indispensável, utilizar um que seja antiderrapante para evitar quedas;
- as janelas devem permitir uma boa iluminação e ventilação do ambiente, sendo de fácil manuseio;
- preferir mesas e demais móveis com cantos arredondados, evitando lesões por atrito, uma vez que o idoso possui a pele mais sensível;
- evitar objetos, fios ou brinquedos no meio do caminho, preferindo sempre um ambiente amplo e sem obstáculos;
- providenciar uma mesa de cabeceira para apoiar objetos como óculos, água, livros e chaves. Possuir um telefone próximo contendo os números de emergência de fácil acesso;
- o quarto deve ter iluminação adequada e possibilitar a ida do idoso ao banheiro durante a noite;
- a cama deve ter altura adequada ao idoso, facilitando o apoio dos dois pés no chão durante o sentar e levantar;
- evitar mudanças no ambiente e nos locais do mobiliário ajuda a manter o idoso orientado e organizado, além de evitar quedas;
- optar por bancadas e pias com altura que possibilite manusear a comida ou lavar as louças sentado (80 a 95 cm);
- armários devem estar ao alcance dos braços do idoso (50 a 150 cm de altura), isso evitará a necessidade do uso de bancos ou escadas para alcançar os objetos.

 

IMPORTANTE: Somente médicos e cirurgiões-dentistas devidamente habilitados podem diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. As informações disponíveis em Dicas em Saúde possuem apenas caráter educativo.

Dica elaborada em novembro de 2.018

 

Fontes:

Blog da Saúde do Ministério da Saúde

Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional

registrado em:
Fim do conteúdo da página