Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Cuidados com a voz

Publicado: Quinta, 07 de Janeiro de 2016, 18h10 | Acessos: 1108

A voz é produzida na laringe através da vibração das pregas vocais (popularmente conhecidas como cordas vocais), que realizam seu movimento graças ao fluxo de ar que vem dos pulmões na expiração e a ação dos músculos da laringe. Este som vai se modificando na faringe, cavidade bucal, nasal e seios da face. Por fim, é articulado transformando-se em fala.

Dicas para uma voz saudável:

- hidratação do organismo: beber de 7 a 8 copos de água por dia, em temperatura ambiente;
- em ambientes com ar condicionado, que resseca as mucosas, intensificar a hidratação;
- tossir ou pigarrear excessivamente provoca atrito nas pregas vocais, podendo feri-las;
- fale sem esforço e articule bem as palavras;
- mantenha uma boa postura corporal ao falar ou cantar;
- durma bem;
- tenha uma alimentação saudável, rica em frutas e proteínas;
- procure reduzir a quantidade de fala durante quadros gripais, crises alérgicas e período pré-menstrual;
- evite falar por longos períodos, principalmente em ambientes ruidosos;
- evite gritar e dar gargalhadas exageradas;
- evite ingerir leite e derivados, bebidas gasosas e chocolate, antes de utilizar a voz continuamente;
- evite ingerir álcool em excesso, bem como outras drogas;
- cuidado ao cantar inadequadamente ou abusivamente.

Esteja atento aos primeiros sintomas de alteração vocal, como cansaço, ardor ou dor ao falar, falhas na voz, mudança de tom, pigarro e rouquidão. No caso de problemas vocais, procure um fonoaudiólogo e um médico otorrinolaringologista.


IMPORTANTE: Somente médicos e cirurgiões-dentistas devidamente habilitados podem diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. As informações disponíveis em Dicas em Saúde possuem apenas caráter educativo.

Dica elaborada em janeiro de 2.005 e revisada em janeiro de 2.016.

Fontes:

Hospital Albert Einstein
Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia

registrado em:
Fim do conteúdo da página