Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Artroplastia do joelho

Publicado: Terça, 12 de Maio de 2015, 14h14 | Acessos: 8484

O joelho é uma articulação formada por um conjunto de estruturas que devem trabalhar em harmonia possibilitando a reestruturação do peso do corpo e os movimentos necessários para a marcha.

1. O que é Artroplastia Total de Joelho?

É uma cirurgia que tem como objetivos substituir uma articulação "doente" por uma nova articulação (prótese). A articulação danificada é substituída por componentes metálicos e plásticos, compondo um novo joelho seguro e confortável capaz de devolver as atividades de vida diária e permitir um caminhar sem dor.

2. Quando está indicada?

Quando o joelho está danificado e não há chance de melhora com outros tratamentos.

3. O que se deve esperar da cirurgia?

- melhora da dor;
- recuperação dos movimentos necessários para sentar, andar, subir e descer escadas.

4. Orientações a serem seguidas antes da cirurgia: pré-operatório:

- se você tiver muletas ou andador não esqueça de trazê-los. Serão úteis no pós-operatório.
- alguns exercícios devem ser realizados em casa enquanto aguarda a cirurgia.
- os exercícios são fundamentais para o sucesso da cirurgia, não ponha tudo a perder por desânimo. Reserve pelo menos 30 minutos por dia para eles.
- os músculos da coxa são muito importantes na recuperação do joelho. Prepare sua coxa para a cirurgia fazendo este exercício na cama:

Faça um pequeno rolo com uma toalha de rosto e coloque embaixo do joelho;

dobre a outra perna e apóie o pé;

Eleve o calcanhar da perna apoiada, apertando o rolo para baixo (empurrando o joelho para baixo);


Sustente contando até 3; relaxe e repita 5 vezes.

Coopere com a equipe de reabilitação: na véspera da cirurgia, alguns exercícios serão ensinados. É importante que estes exercícios sejam repetidos várias vezes ao dia, após a cirurgia.

5. Orientações a serem seguidas no pós-operatório:

- Após a cirurgia, o joelho ficará imobilizado com curativo compressivo volumoso e com dreno.
- Logo no 1º dia você iniciará sua fisioterapia fazendo exercícios, auxiliado por um fisioterapeuta.
- Colabore! É mais fácil recuperar o movimento do joelho no início do tratamento! Não perca tempo!
- Procure dobrar o joelho durante os exercícios.
- Procure não deitar sobre o lado operado.
- Não coloque almofadas embaixo do joelho!
- A quantidade de carga que você pode colocar sobre a perna operada depende do tipo de cirurgia (cimentada ou não) e será orientada pelo seu ortopedista.
- Logo que puder ficar em pé, apóie a perna operada com cuidado, dividindo seu peso entre as muletas e a outra perna.

6. Alta hospitalar:

No dia da alta esperamos que você já consiga sentar, andar com auxílio de muletas ou andador e sair do hospital sentado no banco do carona com a perna operada esticada.

7. Em casa:

- mantenha a perna operada elevada;
- não coloque almofadas embaixo do joelho operado;
- continue com os exercícios aprendidos no hospital;
- entre o 7º e 10º dia após a cirurgia, seu joelho deve dobrar até 90º;
- a presença de um acompanhante será necessária até você conseguir andar com muletas ou andador com segurança.

Não se esqueça! Os movimentos não voltam sozinhos.


IMPORTANTE: Somente médicos e cirurgiões-dentistas devidamente habilitados podem diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. As informações disponíveis em Dicas em Saúde possuem apenas caráter educativo.

Dica elaborada em maio de 2.008.

Fonte:

Ministério da Saúde. Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia

registrado em:
Fim do conteúdo da página