Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas Notícias > "Quanto antes melhor": outubro rosa, mês de conscientização sobre o câncer de mama
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

"Use o coração para vencer as doenças cardiovasculares": 29/9 - Dia Mundial do Coração

  • Publicado: Segunda, 28 de Setembro de 2020, 19h43
  • Última atualização em Segunda, 28 de Setembro de 2020, 19h50

As doenças cardiovasculares (DCV) são a causa número um de mortes no planeta. Os fatores de risco são variados: desde fumo, diabetes, hipertensão e obesidade, até poluição do ar e condições raras e negligenciadas, como Doença de Chagas e amiloidose cardíaca.

Em tempos de COVID-19, os pacientes com DCV enfrentam uma ameaça dupla, pois correm mais risco de desenvolver formas graves da doença, mas também por medo de buscar cuidados contínuos para o coração.

Não se sabe o curso que a pandemia terá no futuro, mas cuidar de nossos corações agora é mais importante do que nunca. Portanto, neste 29 de setembro, a campanha da World Heart Federation pede ao mundo para que "use o coração para vencer as doenças cardiovasculares".

Use o coração:

- para fazer escolhas melhores: podemos cuidar de nossos corações e ajudar a prevenir doenças cardiovasculares, tendo uma dieta saudável, dizendo não ao fumo e ao álcool, praticando exercícios, dando bons exemplos para nossos filhos e entes queridos;
- para estar atento ao seu coração: se você tem uma condição de saúde subjacente, como doença cardíaca, insuficiência cardíaca, diabetes, pressão alta ou obesidade, não deixe o COVID-19 impedi-lo de fazer seus check-ups regulares e procure os serviços de emergência, se precisar;
- pela sociedade, por seus entes queridos e por você;
- para agradecer aos profissionais de saúde;
- para participar e ajudar a tornar o Dia Mundial do Coração 2020 mais impactante do que nunca - uma plataforma poderosa para mudanças positivas e para ajudar as pessoas a viverem mais, melhor e com mais saúde.


As doenças cardiovasculares podem afetar o coração e os vasos sanguíneos, destacando-se a doença arterial coronariana, que envolve dor no peito e infarto agudo do miocárdio, sendo esta a maior causa de morbimortalidade no mundo.

No Brasil, as doenças cardiovasculares representam as principais causas de mortes. De acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 300 mil indivíduos por ano sofrem Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), ocorrendo óbito em 30% desses casos. Estima-se que até 2040 haverá aumento de até 250% desses eventos no país.

E apesar das doenças do coração manifestarem-se, em sua grande maioria, na vida adulta, é na infância que o processo de aterosclerose tem seu início. A prática de atividades físicas regularmente e a redução do estresse, associadas ao controle do colesterol elevado e a uma alimentação saudável, tendem a reduzir em 80% esses óbitos.


Prevenção:

A melhor prevenção é ir ao cardiologista e seguir suas orientações:

- abandonar o sedentarismo, o tabagismo e praticar atividade física, conforme orientação médica;
- fazer trinta minutos de caminhada, pelo menos três vezes por semana, já é benéfico ao coração;
- manter uma alimentação saudável, sem gorduras ou frituras, dando preferência às carnes brancas;
- inserir vegetais, folhas e legumes nas refeições;
- trocar a sobremesa calórica por uma fruta;
- evitar o consumo excessivo de açúcar, massas, pães e alimentos industrializados;
- restringir a ingestão de bebidas alcoólicas.


Fontes:

Ministério da Saúde
Sociedade Brasileira de Cardiologia
World Heart Federation

registrado em:
Fim do conteúdo da página